Meus visitantes

terça-feira, 8 de maio de 2012

Conflitos de Casal: a desconfiada

Foto: www.entreascoxas.com.br


- Olha o que eu trouxe pra você amor!
- Flores? Pra mim? São lindas... Obrigada.
- Você merece mais que isso Leda, e há muito não lhe dou flores.
- Sei.
- O que foi? Por que tá me olhando assim? Não gostou?
- Por que essas flores? Meu aniversário não é hoje, data de casamento muito menos e, aliás, você nunca lembra, como todos os homens.
- Não estou acreditando...
- Pensa que sou idiota Alfredo? O que está escondendo de mim?
- Muito pelo contrário, estou tentando mostrar a você de uma forma bem simples o quanto a amo. Estou dizendo com este gesto que você é especial pra mim, não preciso de datas pra fazer declarações...
- Pra cima de mim? Hoje mesmo li numa revista que quando o homem começa a surpreender a mulher, quando começa a lhe trazer flores, ela deve abrir os olhos porque com certeza ele está tentando esconder algo... Você não é disso Alfredo.
- Leda, pois eu também li numa revista masculina que quando a mulher começa a desconfiar demais está na hora de trocá-la por outra.
- Calma aí, eu não estou desconfiando.
- Hã? O que então?
- Eu só quero entender o que se passa na sua cabeça.
- Você não entende nem a sua. Mas vou ser bem objetivo. Trouxe as flores pra você com todo amor, se não quiser jogue-as no lixo ou dê pra alguém que goste. Agora vou tomar o meu banho e descansar. Chega!
- Nossa! Por que você mudou de humor assim de uma hora pra outra?
-#&@&*@!!!!Argh!
- Bam!
....
- Não entendi nada. Chega com essas flores todo empolgado e eu penso que a noite vai render; você me deixa sozinha e vem tomar banho. Sinceramente, meu amor, você já foi mais romântico... Homens... Vai entender!... Ah amor, Abra a porta, por favor!
Postar um comentário